• Revista Gruvi

Psicodelia recifense de Azul Matéria em live session

Atualizado: Abr 29


Foto: Hannah Carvalho/Divulgação


Formada em 2017, Azul Matéria soa com o que imaginamos de uma caminhada pelo Recife. Misturando elementos psicodélicos do rock progressivo com ritmos bem conhecidos do público pernambucano, do brega ao mangue beat, o grupo tem a nostalgia e a presença que desvela paisagens muito recifenses. Nesta quinta-feira (22), às 19h, a banda lançará seu primeiro trabalho audiovisual no Youtube. Com 5 músicas autorais do grupo de rock alternativo, a live session apresenta a banda em uma nova fase, trazendo novos integrantes e canções inéditas. Viabilizado com recursos da Lei Aldir Blanc, a produção foi realizada pelo Coletivo Nativa e pela produtora Life’s Too Short.


Atualmente a banda conta com 5 integrantes: Eduardo Peixoto, vocalista e guitarrista; Daniel Miranda, baixista; Magno Ribeiro, baterista; Saulo Nogueira, vocalista e guitarrista; e Tomás Spinelli, percussionista. Nesses 4 anos de atividades, a banda passou por palcos da cena independente da cidade, tocando ao lado de novos grupos e, gravando e produzindo os próprios shows. Durante a pandemia, a banda lançou seu trabalho de estreia o EP Azul Matéria (2020), compacto que traz 4 músicas gravadas e compostas durante os primeiros anos do grupo. Nas canções, são abordados temas como desilusões amorosas e incertezas da vida dos caminhos da vida.


Para a Azul Matéria Live Session, a banda apostou em uma locação conhecida dos artistas recifenses, o Estúdio Galvão, no bairro do Cordeiro, Zona Oeste da cidade. Com todo o suporte técnico necessário para a gravação e performance, o show promete uma experiência audiovisual completa, levando quem assiste para um show intimista e imersivo de troca com a banda.


Lei Aldir Blanc

O show ao vivo “Azul Matéria Live Session” foi aprovado pelo edital da Lei Aldir Blanc em Pernambuco ao final de 2020. A empreitada foi produzida em parceria com os coletivos Nativa, Coletivo Nativa é um grupo formado por mulheres profissionais do audiovisual e da música, e Life’s Too Short, grupo que atua há 5 anos na cidade do Recife, produzindo shows, eventos, festas e conteúdo digital sobre música independente. Os dois grupos atuam na cena independente do estado, respectivamente na técnica e na produção de eventos.


15 visualizações0 comentário
frufru.png